nerd


17/10/17
em: moda
Looks de Halloween

Looks de Halloween

Como eu já disse aqui, eu não tenho muita dificuldade em me vestir estilo Halloween, mas pra muita gente que um pouco mais básica, isso é difícil.

Então, pra celebrar esse mês que é pra mim um dos mais divertida do ano, resolvi reunir umas dicas para montar looks que tem uma leve referência da data, sem necessariamente estar fantasiado. Muita gente ama a data, como eu, mas isso não significa que quer se fantasiar totalmente pra ir em festas temáticas.

E até mesmo pela praticidade fica muito mais legal montar looks de Halloween com leves referências ou inspirações em personagens de filme, séries, música ou o que for.

Às vezes você vai sair direto do trabalho para uma festa, ou pra um Happy hour, daí um look que subentende um tema é mais tranquilo de usar. Fora que é super legal fazer os amigos adivinharem qual a referência pro seu look, de qual filme ou personagem é…

Look de halloween

Podem ser looks assim como na montagem acima, que lembra muito como personagens de alguns filmes se vestiam. O do meio por exemplo, me lembra muito As patricinhas de Bervely Hills, só que numa versão mais a cara da menina que está usando.

Looks de Halloween

Dá pra ser mais literal e realmente se jogar no tema Halloween. 🎃🎃🎃

Looks de Halloween

Se vestir como os personagens aí em cima, inclusive se inspirando em pessoas reais, como Beyonce.

Dia das bruxas look

Outro jeito prático de já sair de casa pronto pro halloween, é usar uma camiseta com referência de filmes, séries, e cultura pop em geral. Essa é com certeza a forma mais fácil de montar um look com tema Halloween, porque todo mundo tem uma camiseta da série/personagem/filme preferido no guarda roupas.

E esse post foi proposital, pois dia 31/10 Halloween real/oficial, tem o Encontro de Blogueiros e Youtubers de Juiz de Fora, e a gente pediu para os inscritos tentarem um look Halloween sem ser fantasia. Ou seja, esse é um post pra todo mundo que tem uma festa ou balada no tema se inspirar pra criar e inventar no visual. 👻

E aí, quem pretende usar as dicas? Me contem se tem alguma festa no tema pra vocês irem esse mês! Eu já escolhi meu look, mas quero ver looks de vocês também. 😉

Postado por Helena Sá

Veja também

17/10/17
em: moda
Looks de Halloween

Looks de Halloween

Como eu já disse aqui, eu não tenho muita dificuldade em me vestir estilo Halloween, mas pra muita gente que um pouco mais básica, isso é difícil.

Então, pra celebrar esse mês que é pra mim um dos mais divertida do ano, resolvi reunir umas dicas para montar looks que tem uma leve referência da data, sem necessariamente estar fantasiado. Muita gente ama a data, como eu, mas isso não significa que quer se fantasiar totalmente pra ir em festas temáticas.

E até mesmo pela praticidade fica muito mais legal montar looks de Halloween com leves referências ou inspirações em personagens de filme, séries, música ou o que for.

Às vezes você vai sair direto do trabalho para uma festa, ou pra um Happy hour, daí um look que subentende um tema é mais tranquilo de usar. Fora que é super legal fazer os amigos adivinharem qual a referência pro seu look, de qual filme ou personagem é…

Look de halloween

Podem ser looks assim como na montagem acima, que lembra muito como personagens de alguns filmes se vestiam. O do meio por exemplo, me lembra muito As patricinhas de Bervely Hills, só que numa versão mais a cara da menina que está usando.

Looks de Halloween

Dá pra ser mais literal e realmente se jogar no tema Halloween. 🎃🎃🎃

Looks de Halloween

Se vestir como os personagens aí em cima, inclusive se inspirando em pessoas reais, como Beyonce.

Dia das bruxas look

Outro jeito prático de já sair de casa pronto pro halloween, é usar uma camiseta com referência de filmes, séries, e cultura pop em geral. Essa é com certeza a forma mais fácil de montar um look com tema Halloween, porque todo mundo tem uma camiseta da série/personagem/filme preferido no guarda roupas.

E esse post foi proposital, pois dia 31/10 Halloween real/oficial, tem o Encontro de Blogueiros e Youtubers de Juiz de Fora, e a gente pediu para os inscritos tentarem um look Halloween sem ser fantasia. Ou seja, esse é um post pra todo mundo que tem uma festa ou balada no tema se inspirar pra criar e inventar no visual. 👻

E aí, quem pretende usar as dicas? Me contem se tem alguma festa no tema pra vocês irem esse mês! Eu já escolhi meu look, mas quero ver looks de vocês também. 😉

Postado por Helena Sá

Veja também

11/10/16
Look Mangá Plus Size

look mangá plus size

Owm esse look, ele é tão fofo, gente, é um look mangá plus size! A brusinha é da coleção Sailor Moon da None Clothing, marca linda que eu amo, vou defender e você respeita. 😅

E não é só por conta da camiseta linda que meu look é mangá, me achei toda fofínea com meus brincos de My Little Poney da Brincos de Brincar, que apareceu no último look, e colete jeans com os #PatchesdoGarotas lindinhos colados. 💜

look mangá anime plus size

Essa saia da lollaboo já esteve em tantos looks do blog, e eu uso tanto na vida, que ela já sabe vir e voltar pra casa sozinha. Amo! 💕

Eu tô com um tênis lindo metalizado da Anacapri, mas pra meu desespero, as fotos de detalhes e até mesmo a bolsinha linda que compunha o look, apagaram da câmera, sofri bastante com isso. 😞

look anime plus size

Esse look pra mim é a prova de que dá pra misturar print, patches e brincão. Acho que o que interessa é os temas se comunicarem. É tudo muito divertido, dos brincos aos patches, a estampa da camiseta, até o cabelo entrou nessa onda.

look anime

A vida podia ser linda feito esse look, né non? 🌈

look mangá

Eu usei:

look mangá anime

Esse lookzíneo tá mesmo muito fofíneo, e sim, eu me visto desse jeito, não significa que sou imatura, que não sou uma pessoa responsável, nem outras bobagens que dizem por aí, significa apenas que eu tenho meu estilo próprio e não vou mudar pra atender expectativas sobre o que as pessoas pensam que eu deva vestir na minha idade ou com o meu corpo.

Okay? Ok! 😉

Postado por Helena Sá

Veja também

08/08/16
Look Nerd Plus Size

Franz Wasielewski.Helena

Que nerd mais marrenta, que cara! 😀

Dando início a série de looks cariocas (sim, fiz uns looks lindos enquanto estive no Rio), começaremos com um Look Nerd Plus Size.

Dessa vez não tive a companhia do Mateus, que é nosso fotógrafo oficial e do coração. Nossas agendas não bateram, mas nada que nos impedisse de lacrar no look, pois outro fotógrafo talentoso veio me salvar. Quem fez os cliques de todos os looks do Rio, foi o Franz Wasielewski, que arrasou também. 🌟

Look nerd é comigo mesmo, já fiz alguns aqui e aqui, além disso, o meu estilo tem um pouco, ou muito de cultura nerd. Só que é a primeira vez que fiz um look nerd plus size.

E eu explico por que. Das outras vezes eu usei peças que não se encontra em tamanhos acima do 48, dessa vez o look é pras gordas mesmo! Eu estou toda de Gudamagoo, que é uma marca maravilhosa, que faz coleções jovens inspiradas na cultura pop, como séries, quadrinhos e games. E o melhor, todas as peças vão do 44 ao 60! 💜

look-nerd

Imagina a minha felicidade quando vi uma raglan (tipo de t-shirt com manga 3/4), no meu tamanho e o melhor: a estampa mistura Pac Man, jogo que me lembra minha infância e Star Wars, tem Darth Vader e Blinky, Inky e Clyde (os fantasminhas do Pac Man), tudo numa camiseta só!

Franz Wasielewski.Helena (6)

A saia eu nem preciso dizer, mas digo: amo saia midi, e essa é linda demais! Ela é da coleção Heroínas da marca, eu amei.

Mas eu pedi um tamanho muito grande (3G), tive que me virar pra prender e mostrar no look. Mas ainda quero ela no meu tamanho certo (acho que o GG), para desfilar por aí.

look nerd plus size

Mas o look tá nerd não só pelas roupinhas lindas, esses óculos de armação grossa e redonda da Ybirá tão combinando demais com o visual que eu queria dar para esse editorial.

Franz Wasielewski.Helena

E pra fechar maravilhosamente, eu escolhi esse tênis da Anacapri, que eu não tirei do pé na minha visita ao Rio, pois o bichinho é muito confortável e combinava com todas as roupas que levei. Ele dá um ar descontraído, leve, porém muito lindo aos looks. De um jeito bem carioca. To realmente apaixonada por ele, pela qualidade, e claro, pela cor, que é a MINHA COR, não é mesmo?

O que eu usei:

  • Camiseta Raglan, Gudamagoo;
  • Saia midi jeans, Gudamagoo;
  • Óculos de madeira, Ybirá;
  • Tênis roxinho, Anacapri. (A Anacapri de Juiz de Fora que mandou esse lindo, sigam o insta deles! ♥)

Eu adorei o look, me achei muito nerd com ele e quero usar muito. Quero saber o que vocês acharam de tudo!

Créditos:

  • fotografia: Franz Wasielewski
  • maquiagem e produção: por minha conta
  • locação: bairro Botafogo (Rio de Janeiro)
Postado por Helena Sá

Veja também

07/12/15
Comic Con Experience, eu fui

comic-con-2015

E aí o Brasil tem uma Comic Con com direito a atrações internacionais do mesmo nível das atrações da tradicional Comic Con de San Diego e eu fui! Eu fui e vou contar pra vocês qual é que é a desse evento que surgiu nos EUA e teve a primeira edição aqui no Brasil em 2014 e de lá pra cá o número de estandes, atrações e público aumentou consideravelmente.

A  Comic Con (Expirience) é um evento para quem gosta de cultura pop  voltada para o lado geek (quadrinhos, mangas, animes, seriados – alguns nerds, outros nem tantos- e filmes – esses nerds mesmo). Em um resumo muito cru, é um evento com estandes de diversas marcas legais que vão desde roupas até decoração e quadrinistas vendendo  e autografando seus trabalhos até painéis com gente famosa  e “importante”. E é claro tem os queridos cosplays.

comic-con-2015

O que foi bom:

  • A Comic Con disponibilizou para quem fosse de metrô, ônibus de graça até o local e logo na saída da catraca do metrô já tinham staffs indicando  pra onde você devia ir.
  • O lugar, apesar de grande, estava muito bem organizado, tudo dividido por letras para você se encontrar muito bem. Por exemplo: se perdeu? É só avisar o amigo que está na ala H ou G…etc.
  • Tinha um lugar específico para os cosplayers se arrumarem. Olha que fofo.
  • O chão não ficava sujo um minuto sequer. A toda hora se via funcionários limpando, secando, varrendo, sugando.
  • Todo mundo era super educado. Não tinha como ser diferente, nerds em seu habitat natural tendem a ficar mais felizes. Na praça de alimentação todo mundo dividia a mesa com estranhos, fiz amizades breves nas filas, troquei favores para bater foto de pessoas e elas de mim. Muito amigável e familiar.
  • Não gastei tanto dinheiro quanto pensei que ia gastar. Motivo:  ou comprava uma caneca de R$ 30,00 ou um boneco de R$ 500,00 e, acreditem, tinha muito mais boneco de R$ 500,00 do que caneca de R$ 30,00.
  • Tinha muita gente porém não o suficiente parar super lotar o lugar. Ano que vem a organização  pretende dobrar o tamanho e acho isso ótimo pois, sem dúvida, o público vai continuar crescendo e muito.

O que foi ruim:

  •  Teve fila para pegar o ônibus do metrô até a Expo São Paulo, fila para entrar com a credencial, para comer,  para ir ao banheiro e entrar nas lojas mais legais. Para se ter uma ideia, a loja do Star Wars e a Comix davam voltas. Mas, como não fui em nenhum painel, não vi muito problema em ficar nas filas.
  • O valor do ingresso – quase R$ 200,00 para os finais de semana – não inclui os Meet and Greet”,  ou seja, se você quer ver um ator e tirar foto com ele vai ter que pagar esse valor de novo apenas para fazer isso.
  • Os painéis são o grande problema. Eis uma coisa para quem não foi na Comic Con e pretende ir: ou você aproveita o evento ou fica na fila para ver o painel da celebrity que quer. O que acontece é que cada sala de painel tem uma lotação máxima, e quem viu o painel das 13h pode muito bem ficar na sala para ver o painel das 15h e além de já ter uma fila quilométrica para ver o painel das 15h, você ainda depende das pessoas que vão sair da sala para dar espaço às pessoas que ainda estão na fila.

Então aí vai a dica: se você quer ter a experiência completa de ver os painéis e ainda andar pelo evento, vai ter que por a mão no bolso e comprar ingresso para ir pelo menos em dois dias. Um para ver os painéis e outro para andar pelo evento.

  • Teve um grande tumulto – ao que li, pois não fui na sexta, 04 – no painel do Netflix (com os atores de Sense 8 e Jessica Jones). O público não ficou sentado e foi todo mundo até a grade causando um tumulto. O resultado foi acabar com o painel com apenas 10 minutos de duração e fazer o público do lado de fora pagar uma grana altíssima para tirar foto com os atores.
  • Tinha poucos quadrinistas (ao menos no dia em que eu fui, sábado 05). Por ser um evento que surgiu tradicionalmente com o foco em quadrinhos era a oportunidade do Brasil de apresentar seus talentos para o publico consumidor. Infelizmente, como tudo, os astros do evento acabaram sendo as celebridades dos filmes e séries americanas.
  • O lugar não tinha estrutura para receber chuva. No fundo da São Paulo Expo a água da chuva deu um jeito de entrar, alagar o chão e acabar com a energia do meio até o fim da São Paulo Expo.

comic-con-2015

Sem dúvida para haver uma divisão justa de público que vai aos painéis, o evento ainda precisa ao menos triplicar o numero de convidados. Vamos esperar e ver, afinal, apesar de estar crescendo rápido, ninguém faz milagre.

comic-con-2015

Por fim, minha percepção da Comic Con é que  ela  como o Starbucks. É caro pra caramba e você não sabe direito porque está lá, já que poderia tomar um cafezinho mais gostoso em outra cafeteria, mas estar em um lugar tão famoso com copinhos tão legais deixa a experiência muito mais mágica.

De fato, se você não for ver nenhum painel (porque não quer perder o evento sentado em uma fila), não estiver disposto a andar e nem tiver dinheiro para comprar um mangá que seja, o valor absurdo que vai pagar apenas pra entrar não vale. Mas se quiser ter uma experiência divertida – porque é sim muito divertido – sem dúvida, é uma delicinha.

comic-con-2015

Postado por Carina Silva

Veja também

26/11/15
Tré Artes e Decoração: comprando de quem faz

tre

Almofadas lindas da Tré no meu quartinho lindo! ♥

Essa mania que eu estou aqui no blog, de trazer e divulgar produtos artesanais, locais e diferentes só tem me trazido uma riqueza de contato com pessoas e marcas maravilhosas!

Segunda fui conhecer o estúdio/ateliê/escritório da Tré Artes e Decoração que eu nem sei como definir, acho que podemos chamar de uma explosão de criatividade. A Tré é design, arte, artesanato, fotografia e decoração tudo junto e com sustentabilidade. Em quem pensa que pela diversidade pode se perder o cuidado, está muito enganado.

Criada pela Talita (amiga de infância) e pelo Léo (um querido), a marca prima pela criatividade sem limites, é lindo como eles misturam cultura pop, identidade cultural brasileira, cores, formas, religião e arte regionais, mas que o mundo inteiro pode se encantar e entender.

Sao Jorge

Salve Jorge! Minha mãe é devota e com certeza vai ganhar um de Natal.

decore-tre

A linha de produtos da marca é extensa, vai desde botons, canecas fofas, quadros…

tre

… a almofadas lindas, me encantei por elas!

tre-decor

Também tem móveis super diferentes, coloridos, do jeito que eu amo!

tré-decoração

Outro item que eu amei foram os oratórios, que homenageiam as religiões cristãs brasileiras, o que é lindo, pois precisamos valorizar essa base cultural brasileira. Fora que é uma beleza só!

tre-design

Outra coisa especial da Tré são os preços, muito bons, principalmente por serem produtos de tanto valor cultural, que trazem a arte dos donos da marca, são feitos um a um artesanalmente e a maioria das peças tem poucas unidades iguais. Ou seja, cuidado, beleza, criatividade e exclusividade, tudo em um produto só. 😉

tre-artes

Preciso dizer mais alguma coisa? Preciso sim, que é propor um desafio e um reflexão para vocês: vamos nesse Natal presentear com produtos sustentáveis, feitos de forma artesanal e sem explorar o trabalho de ninguém? Vamos dar valor ao produto local e nacional? Sim ou com toda certeza?! 😀

Curtiram a Tré? Quero saber o que vocês acharam das minhas almofadas lindas! Ficam bem no meu quarto?

Quem quiser conhecer melhor o trabalho desses lindos, é pelo Facebook e pelo Instagram.

 

Postado por Helena Sá

Veja também

23/10/15
Look plus size com camiseta masculina

_MG_6927-1

Esse pode ser considerado um look plus size com camiseta masculina, ou como fotos no telhado de um prédio podem subir a cabeça de uma pessoa. No caso, eu, que estou me achando rainha do mundo (do meu bairro), nessas fotos do alto com as casas todas ao fundo.

_MG_6932-1

Nem tive medo de cair e já quero mais fotos no alto!

_MG_6938-1

Nesses dias de primavera incertos, que no mesmo dia faz um calorão, depois chove, depois esfria, venta… esse poncho é perfeito, pois ele é de um material leve e faz qualquer look ficar lindo.

_MG_6931-1

Eu adoro camiseta masculina, já falei e usei aqui nos looks várias vezes e com certeza vou usar muitas vezes mais, pois é uma peça muito fácil de moldar ao estilo que você quer no momento.

E para as minas gordas, como eu, é uma salvação, pois camiseta bonita na sessão feminina, nunca serve em quem veste acima do 42. Mais uma coisa triste, até as masculinas tem diminuído de tamanho nas lojas em geral, e já é difícil alguém acima do 48, vestir o maior tamanho masculino, e isso é ridículo.

Nesse look a camiseta floral combinou com o tênis e jeans destroyed, o poncho acaba sendo um contraponto delicado.

_MG_6941-1

Se isso não é botar a cara no sol, eu nem sei mais o que pode ser! 😀

_MG_6952-1

Who run the world?

_MG_6953-1

Notem como um batom faz uma diferença absurda nesse look que é super simples de jeans e camiseta. 😉

_MG_6954-1

Detalhes fofos ♥

Como sempre estou toda colorida, desde as unhas, batom até mesmo no look, mas sabendo compor com o seu estilo, não fica over.

Eu usei:

  • Camiseta floral, Reserva para C&A;
  • Poncho vinho, Maria Filó para C&A;
  • Jeans destroyed, Havan;
  • Tênis laranja, Kanui;
  • Pulseira chumbo, Adornare;
  • Armação nerd, camelô.

_MG_6955-1

Curtiram o look? Quero saber se vocês também usam muito camiseta masculina!

Créditos:

Postado por Helena Sá

Veja também