cr beleza | Garotas Rosa Choque - Part 4

beleza


29/07/15
Dia do Batom com os meus preferidos

dia-do-batom

E não é que hoje, dia 29 de julho é Dia do Batom! A data é comemorada nos Estados Unidos, mas nós brasileiras temos que o comemorar também, pois muitas de nós amamos usar batom! ♥

Tá certo que faz pouco tempo que as brasileiras estão ousando mais nas cores dos batons, e com o advento da tendência mate e dos batons líquidos, ficou muito fácil segurar um bocão vermelho, rosa, roxo… E aí, você segura? 😀

Lembrando que usar batom vermelho já foi ato de rebeldia, que só mulheres a frente de seu tempo e feministas que o usavam em certas épocas da história moderna.

Eu amo batom, principalmente as cores mais fortes, vibrantes, me sinto meio pelada quando saio sem cor na boca e é viciante, pois é um hábito recente, de uns 5 anos pra cá, antes eu era bem moleque. 😛

E já que é Dia do Batom, resolvi mostrar meus preferidos, dentre eles os que adoro há muito tempo e os queridinhos do momento.

dia-do-batom

Esses na foto são meus queridos do momento e também de sempre, não compro nada caro, sempre vou na qualidade do batom, por isso minha coleção não tem grife, tem é bom custo/benefício.

  • Tem Nyx (resenha aqui);
  • Lápis labial Nyx, que uso muito como batom (resenha aqui);
  • Tem Lime Crime (resenha aqui);
  • O novo da Tracta (resenha aqui);
  • E o da Koloss ( resenha aqui).

dia-do-batom

Em todos os looks do blog eu estou sempre de boca colorida, mas não é só pras fotos ficarem mais bonitas, é porque eu realmente uso batom colorido em 99% das vezes que saio de casa, seja de dia ou a noite, seja festa, passeio no parque ou pra um buteco! ahaaha

Então nesse dia do batom, desejo uma vida tão colorida quanto eles para todas nós! ♥

Consegui provar para vocês que eu amo batom? Agora quero saber quem também adora e quais os seus queridinhos!

Postado por Helena Sá

Veja também

01/07/16
Impala Nail Spray

impala nail spray

A Impala lançou a linha Nail Spray, são sprays de tinta, tipo os de grafite, só que para unhas. Desde que vi, fiquei curiosa para testar, saber se seria mais prático e se funcionaria tão bem quanto um esmalte comum.

Pois a marca enviou uma amostra aqui pra casa, e na mesma hora eu já fui testar, cheguei a mostrar em tempo real no snapchat, aproveitei e fiz umas fotos do passo a passo e do resultado para vocês.

impala-nail-spray

Quando eu fiz no primeiro dedo, não prestei atenção nas instruções e apliquei o spray muito de perto, dai acumulou e não deu certo, mas depois peguei o jeito e não errei mais.

nail-spray-passo-a-passo

A cor que veio pra mim foi o Rosa Pink, (acho que alguém lá na marca lê o blog 😅). Ele é um rosa bem vivo e com acabamento metálico, muito bonito.

Aprovei o produto por alguns motivos:

  • Eu não sei fazer minhas unhas, e com esse spray eu consegui, mesmo sem tirar as cutículas, deixei as unhas bem feitas, pois tenho a cutícula bem fina;
  • Deu muito menos trabalho do que uma esmaltação comum, você pula etapas como a limpeza com o palitinho com algodão embebido em acetona no final;
  • Se você aplicar o verniz protetor apenas nas unhas, prestando atenção para não escorrer, e limpando muito bem caso escorra para o dedo, no final toda a tinta que pegou na pele, sai com água e sabão facilmente.

Quanto a duração do produto nas unhas, fiz há 4 dias,  e só agora começou a descascar as pontinhas. Isso eu lavando louça e fazendo a faxina, admito.

Para mim que não sei fazer minhas unhas e que tenho a maior preguiça de ir ao salão, esse spray vai ser uma salvação. Quero inclusive comprar numa cor mais discreta pra poder usar sempre.

O preço não é bolinho, R$27,90, mas no meu caso que não sei fazer as unhas da forma convencional, e para quem não tem tempo para manicure, vale muito a pena. E se você for pensar, o preço do kit é o correspondente a 2 idas ao salão para fazer as mãos, e com 50 ml, o Nail Spray vai durar 4 aplicações, segundo o release da marca. 😉

UPDATE: Tem outras 5 cores, preto, azul escuro, prata, roxo e branco, se não me engano.

Eu curti, alguém mais já usou?

Postado por Helena Sá

Veja também

13/06/16
Técnica para secar e definir os cachos

Com esse frio todo que está fazendo nos últimos dias, lavar o cabelo pode ser uma tarefa nada fácil, principalmente, se você não tiver um secador para secá-los pós-lavagem. Bom, eu como uma típica cacheada sempre torci o nariz para o secador e demorei muito para ter um em casa. E nesses dias frios a solução sempre foi sair de manhã com cabeça molhada mesmo. Não era fácil, imaginem só quanta dor de garganta eu poderia ter evitado?

Hoje as cacheadas sabem que secar o cabelo com o difusor não causa danos e também não desmancham os cachos. Mas, eu confesso que só uso o meu quando realmente preciso, ainda prefiro o resultado da secagem natural dos fios. Porém, o meu apartamento aqui em Viçosa é muito frio e ficar com o cabelo molhado esperando ele secar não é está sendo fácil.

Por isso, tenho usado muito a técnica para secar e definir os cachos chamada Plopping ou Plunking, que ajuda a definir os cachos:

1. Finalizar o seu cabelo como de costume (quando faço a técnica prefiro usar sempre um gel depois do creme para pentear. No momento, estou usando o G-Gelatina da Capicilin)
2. Estender uma camiseta, ou qualquer outra peça de algodão, na sua cama.
3. Virar a cabeça para baixo (eu já finalizo meu cabelo assim porque me dá mais volume) e acomodar os cachos em cima da camiseta
4. Cobrir todo o cabelo com a camiseta como se fosse fazer uma touca ou um turbante e torça as pontas.

A imagem que eu encontrei deixa a explicação mais clara.

plopping

Deixe o tempo que você achar necessário, eu costumo deixar por volta de 1h 30 ou mais, e meus cabelos saem praticamente secos. Depois que tirar a camiseta, vale a pena dar aquela sacudida pra frente e para os lados para dar aquele volume feliz. Se você gostar de volume, claro. E pronto, cachos definidos e sem frizz.

P.S.: Se você ajeitar na hora que coloca os cachos sobre a camiseta eles não ficam amassados quando você retirá-la. Vai ser só sucesso e sem cabelo molhado na nuca nesse frio. 😉

Postado por Ana Paula Nunes

Veja também

17/05/16
Deixar o cabelo solto é revolução

cabelo solto

Para as garotas de transição, que sabem como é difícil não se render ao elástico e deixar o cabelo preso permanentemente. E principalmente, para as garotas que o cabelo na rua chama atenção, e que sabem que o cabelo solto é revolução, eu dedico essas palavras.

cabelo solto é revolução
As horas passam
Não tem mais definição
A insegurança vem, as nóias também
O frizz taí, não dá pra fingir
Você resiste, tenta insistir
Não prender também é resistência!
Onde você aprendeu que cabelo crespo é indecência?
Deixa assim.
Será que tão olhando pra mim?
Será que é rejeição?
Acho que não é aprovação.
Só hoje, mais um pouco.
E amanhã começa tudo de novo.
É diário, é rotina.
É um trabalho árduo pra manter a autoestima.

Postado por Ana Paula Nunes

Veja também

25/01/16
Minha rotina de cuidados com o cabelo curto cacheado

Depois de quase dois meses que cortei o cabelo. (Contei todo o processo e sobre a técnica Deva Cut que foi usada, nesse post aqui.) Resolvi falar como está sendo a rotina de cuidados com o cabelo curto cacheado.

Eu continuo lavando meus cabelos em torno de duas vezes por semana e tenho usado o shampoo da nova linha da Yamá, o Yamasterol Less Poo. Ele é ótimo para quem é adepta do low poo, não agride, não resseca e higieniza os cachos.

Para condicionar eu alterno entre o da linha Natura Sou, para cabelos ressecados, que é leve. Não sinto uma hidratação potente com ele, mas como tenho usado o shampoo que já não agride muitos os fios, não percebo necessidade de usar um condicionar muito potente toda vez que lavo. E uso também o Aussie Moist, que já acho mais forte (praticamente uma máscara) apenas uma vez na semana.

É o terceiro pote de Aussie que uso, adoro, se deu super bem com meu cabelo. E sempre usei dessa forma, intercalando com outros condicionadores e usando como uma máscara de hidratação rápida. Antes do Moist, eu cheguei a usar o Strong, mas tiveram praticamente o mesmo efeito pra mim: cabelos super hidratados, maleáveis e que parece que derretem na sua mão quando você enxagua.

Para finalizar, tenho alternado bastante, gosto de testar produtos novos e também depende muito do que quero para o meu cabelo no dia. Enfim, no geral, tenho alternado entre dois leave in: Cachos dos sonhos, da Salon Line e o Casulão (não julguem pelo nome, o produto e baratinho, mas ótimo, apesar de ter uma identidade visual péssima).

Os dois funcionam de formas diferentes no meu cabelo, o da Salon Line me deixa com os cachos mais definidos. Por outro lado, uso o Casulão quando quero ficar com mais volume, principalmente no day after. Falando em day after, essa era uma das preocupações logo que cortei o cabelo, porque antes conseguia não amassar os cachos prendendo eles num rabo abacaxi (prendendo ele bem lá no alto), mas agora já não tenho como fazer isso. Por isso,  tenho usado dois produtos diferentes para revitalizar os cachos.

Uso a Mousse + Volume da Eico Cosmetic, que ajuda a dar volume e corpo para os fios. Diferente de outros mousses que já testei, esse tem uma textura mais leve e achei a aplicação mais fácil. Gosto de usar quando quero apenas revitalizar alguns fios e aumentar o volume sem me importar com frizz. E tem também a outra novidade da Salon Line, o Gel Day After Como se fosse a primeira vez. Ele redefine bem os cachos, seca rápido e diminui o frizz, ótima forma de arrumar os fios de manhã sem precisa molhar o cabelo, sabe?!

rotina de cuidados com o cabelo curto cacheado

Do shampoo ao day after: todos produtos que tenho usado

Bom, é isso! Essa é a forma como estou mantendo o corte novo, em outro momento comento sobre as máscaras e tratamentos. Se tiver mudanças ou descobrir novos produtinhos, aviso por aqui.

E se vocês já usarem algum desses produtos que falei, comentem o que acharam e se deu certo com vocês.

Postado por Ana Paula Nunes

Veja também

19/01/16
Vestido preto plus size

Finalmenteeee, aos 19 dias do ano de 2016 eu resolvo iniciar o ano do Garotas! Era pra ser on, avisei no ig e fb, mas tivemos um problema de hospedagem e né, então tá, o ano do bloguinho começa hoje!

E a gente já começa com look, e com um vestido preto plus size maravilhoso que eu desejava há tempos. Ele tem tudo que eu amo em modelagem de vestidos, acinturado, com a saia rodada e justo na parte de cima.

vestido preto plus size

Esse vestido tem um estilo mais chique, comprei exatamente para ir a um casamento. Mas não tem roupa clássica que eu não consiga tumultuar com acessórios e sobreposição! 😀

profissão perigo

Me sentindo o MacGyver com esses óculos estilo aviador espelhados. Totalmente profissão perigo!

Notaram que os acessórios, o batom e a sandália, tá tudo azul? Pois é, um pouquinho de cor nesses dias chuvosos e frios maravilhosos que estamos passando nesse verão atípico.

look camisa cropped plus size

Essa camisa cropped me conquistou, amei o modelo a tampa floral e principalmente, achar um cropped que serve em gorda na sessão regular da loja!

look vestido preto plus size

Adoro esse tipo de sandália que já usamos muito nos anos 90, com salto grosso e esse estilo melissa.

*Não curto a falta de diversidade e a não inclusão negra e plus size da Petite Jolie, tenho 2 sandálias da marca e não vou jogá-las fora, mas não é uma empresa que eu apoie.

look com vestido social plus size

Eu usei:

  • Vestido preto, Quintess;
  • Camisa cropped, Marisa;
  • Óculos aviador, Closet Dona Onça;
  • Sandália, Petite Jolie;
  • Pulseiras, Adornare;
  • Anel, Forever 21.

pontos de cor no look

Adorei essa combinação da camisa como vestido, ele não tem mangas então fica legal acompanhar uma camisa leve no verão. Fora que é um jeito de ma peça mais social como esse vestido e poder usá-lo em diferentes ocasiões. 😉

macgyver

E aí, curtiram meu visual? Tenho certeza que o MacGyver aprovou! 😀

Créditos:

Postado por Helena Sá

Veja também

31/10/15
em: Looks, moda
4 Looks do meu dia a dia que servem para Halloween de pessoas normais

4 Looks do meu dia a dia que servem de fantasia pra pessoas normais

É isso mesmo, não me considero “normal” em muitas coisas, e o jeito de me vestir é uma delas. Nem sempre foi assim, já tentei me enquadrar no padrão, principalmente durante a faculdade de direito, mas não conseguia, meu estilo acabava aparecendo de alguma forma.

Hoje em dia eu uso mesmo tudo que me dá na telha, seja no look, ou na maquiagem, esmalte… e olhando as fotos de looks aqui do blog, descobri alguns visuais que para mim são normais, mas que para quem tem um estilo mais “discreto”, pode até ser considerado um look de Halloween, pelo meu jeitinho gótico fantasiado. 😀

_MG_4038-1

Esse look com camiseta Alien é bem recente, vocês podem conferir os detalhes aqui. Eu adoro essa combinação e queria inverno eterno pra andar assim todos os dias. ♥

25082011-_MG_1141

Esse look acima eu fiz especialmente para o Halloween do ano passado, mas não significa que eu não usaria do no dia a dia. Saudades desse cabelo!

4 Looks do meu dia a dia que servem para Halloween de pessoas normais

Esse look bruxa moderna que eu e os meninos da equipe amamos, com chapéu e óculos cateyes, já usei muito! Tem mais fotos dele aqui.

4 Looks do meu dia a dia que servem para Halloween de pessoas normais

Esse foi um dos primeiros looks aqui do blog, com meu cardigã preferido da vida e um dos meus vestidos mais queridos também. Pra muita gente é uma combinação muito dark, pra mim é roupa de ir na padaria! 😀

Todos os detalhes e fotos lindas desse look, aqui.

Foi muito legal relembrar esses looks, que aliás ainda usaria tudo! Muito legal quando você é tão fiel ao seu estilo, que raramente se arrepende ou enjoa de uma produção que escolheu e usou.

Ainda por cima acho que os looks podem servir de inspiração para vocês nesse Halloween e Dia de los Muertos! 😉

Pra fechar o look, uma make bem simples de fazer e que combina com a data:

 

9:40 da manhã e eu já tô gótica. ?????

Uma foto publicada por Helena (@garotasrosachoque) em

Quero saber já! Qual o look preferido de vocês? 😈

Postado por Helena Sá

Veja também