séries e filmes


03/01/14
5 filmes para assistir já

Quem corre do calor e dos lugares como praias e piscinas cheias do verão, com certeza pode fugir disso em casa ou no ar condicionado do cinema. E é a minha cara fazer isso, por isso vou mostrar 5 filmes que vi por esses dias e que valem a pena a resenha.

1. Capitão Phillips (Captain Philips)

Esse filme conta a história real de um Capitão (Tom Hanks), que tem seu navio sequestrado por piratas Somalis. Mostra todo o drama do Capitão que é levado refém pelos piratas em troca de dinheiro e retornarem vivos para suas aldeias. O mais interessante do filme, é que os sequestradores somalis não são interpretados por atores profissionais, foram recrutados somalis, e eles tiveram a atuação muito elogiada.

o-mordomo-da-casa-branca

2. O Mordomo da Casa Branca (The Buttler)

Também uma história real, mostrando a vida de um dos mais antigos mordomos da Casa Branca (Forest Whitaker). O filme conta sua trajetória desde as fazendas de algodão, quando seu pai é morto na sua frente, até os dias de hoje. Esse filme mostra o racismo e a luta pelos Direitos Civis nos EUA, na visão de um negro que aprendeu a não contestar os brancos e sempre servi-los. Um ponto forte desse filme é o elenco, mesmo em papéis de menor destaque, vários atores e cantores conhecidos caracterizados de uma forma tão interessante, que alguns fica difícil reconhecer logo de cara. Uma dica, Mariah Carey está no filme. 

spectacular_now

3. The Spetacular Now

Uma graça esse filme que não tem título em português. Retrata um adolescente saindo do high school, um cara divertido, amigo e popular, mas que não quer nada da vida, bebe o filme inteiro e só quer viver o momento. Ele tem essa namorada que ele adora, que o acompanha nessa vida de diversão, mas ela resolve terminar com ele, daí ele vai beber e curtir a fossa e acaba acordando em um quintal ao lado de uma garota tímida que ama ficção científica. Filme fofo, adolescente e romântico.

gravidade

4. Gravidade (Gravity)

Esse filme todo mundo já pelo menos ouviu falar ou leu alguma resenha, pois foi muito aclamado por público e crítica. E tem motivo pra isso, eu fiquei tensa o filme quase todo, a ponto de meu bruxismo atacar durante o filme. A trama se passa entorno de uma astronauta (Sandra Bullock), que não é bem uma astronauta (é tipo um Wolowitz), que foi para a estação espacial americana para reparos. Depois de uma chuva de destroços a situação fica crítica, a partir daí a gente agradece a cada 5 segundos por estar no planeta terra, pisando no chão e respirando.

5. No espaço não existem sentimentos

Esse eu nem me atrevo a postar o título original, é um filme Sueco. Conta a rotina de um jovem que tem Síndrome de Asperger (um tipo de autismo), e sempre que passa por algum stress se esconde em um latão que ele fantasia ser uma cápsula espacial, só seu irmão consegue tirá-lo de lá. Sua vida cheia de regras e rotina, muda completamente quando a namorada do irmão termina o relacionamento por causa dele. A partir daí ele passa o filme todo tentando arrumar uma nova namorada perfeita para o irmão, e isso o faz ter que quebrar as suas próprias regras e sair da sua rotina. O filme é uma graça, vale muito a pena ver.

Bom essa seleção de filmes dá pra rir, chorar, ficar tenso, perder o fôlego, se indignar e vomitar arco-íris! ahaha Quem tiver dicas de filmes conta aí! 

Postado por Carina Silva

Veja também

06/06/14
[Livro e Série] Orange is The New Black #OITNB

 

orange-is-the-new-black

A segunda temporada de Orange is The New Black está chegando e eu não poderia estar mais animada para essa estréia. O seriado foi considerado a melhor série de dramédia de 2013 e não foi para menos. Além de esse ser meu gênero favorito de séries e filmes, Orange is The New Black é original e muito interessante.

Para quem ainda não sabe sobre o que se trata, a série conta a história de Piper Chapman, uma mulher de classe média alta, bonita e estudada que levava uma vida pacata e comum com o seu noivo e que, por um deslize do passado, acaba sendo presa.

orange-is-the-new-black

É na prisão federal que Piper acaba reencontrando a pessoa que foi o motivo por sua prisão e é lá que também terá que enfrentar diversos outros problemas. Dentre eles a Crazy Eyes, uma mulher que se apaixona por Piper  e a pega para cristo insistindo em fazer dela a sua esposa. 

O mais interessante da estória é que é baseada em fatos verídicos e a Piper Chapman (Piper Kerman na vida real) contou tudo em um livro.  Ela apresenta todos os casos curiosos, perturbadores, emocionantes e engraçados da rotina no presídio federal e percebe que lá, apesar de estar cercada de criminosas, todas aquelas presidiárias são muito mais complexas do que ela imaginava.

Enquanto Chapman narra a luta que é aprender a conviver com essas mulheres e todas as regras da prisão, também é discorrido sobre a crueldade do sistema carcerário.

É por isso que apesar de emocionante e engraçado, a estória de Piper tem grande importância social. Depois de cumprir sua pena, a autora se envolveu com o movimento de reforma prisional nos Estados Unidos e até hoje participa do conselho da Associação de Mulheres na Prisão.

Para quem ainda não viu, a série está disponível no Netflix e o livro foi lançado esse ano pela editora Intrínseca. A segunda temporada estréia hoje, então fiquemos ligados !

orange-is-the-new-black

Postado por Carina Silva

Veja também

11/05/14
Mães poderosas da TV

Já que hoje é dia das mães, resolvi fazer um post diferente em homenagem a elas – Mães poderosas da TV

Vou mostrar quatro mães da ficção, mais especificamente das séries de TV. As mães que eu escolhi tem personalidade forte e são poderosas, cada uma a sua maneira. E com certeza se a gente prestar bem atenção, podemos identificar algumas características delas nas nossas mamães. Querem ver só?!

Cersei Lannister de Game of Thrones, a mãe do rei, a Rainha Regente. Ela pode ser manipuladora, ambiciosa e muitas vezes cruel, mas é uma mãe poderosa que faz tudo pelos seus filhos, quer o melhor para eles, e os apoia mesmo quando não concorda com eles, ou quando o filho é o detestável Jofrey.

Norma Bates é mais super protetora ainda, em Bates Motel ela tem uma relação doentia com seu filho Norman. Ela faz qualquer coisa para protegê-lo e para o manter sempre debaixo das suas asas. Norma é daquelas mães que nunca gostam das namoradas e quer o seu filhinho só para elas.

Lorelai Gilmore é a mãe mais legal de todas, em Gilmore Girls ela é a mãe da Rory e a teve quando adolescente. Ela cria a filha sozinha, trabalha e é a mãe mais legal, engraçada, compreensiva e amiga que uma filha pode imaginar ou desejar. De todas que cito neste post, ela é a única que não é manipuladora e controladora. Dúvidas de que ela é a minha preferida?

Por último tem a mãe da família da série The Middle, a Frankie. Ela é mãe de três filhos muito peculiares, tem uma casa caindo aos pedaços, dívidas e muito mais para se preocupar. Ela é aquela mãe que tá sempre se virando, dando um jeitinho pra poder cuidar de todo mundo. Ela conhece como ninguém os três filhos o atleta popular e bobo, a nerd abobada, e o mini gênio esquisito. Adoro como ela está sempre um passo a frente deles, e o quanto ela trolla os filhos! ahaha

Poderia citar outras várias mães das séries, como a Rochelle, mãe do Chris de Everybody hate Chris, (dica da Carina). Mas tinha que fechar o post e iria ficar enorme!

E aí, qual delas se parece mais com a mãe de vocês? E as mães que estão lendo, com qual se identificam mais?

Postado por Helena Sá

Veja também

27/04/14
T.S. Spivet – Uma viagem extraordinária

t-s-spivet

O filme que eu vou indicar hoje é daqueles para assistir com um lenço (melhor um lençol), nas mãos! Mas não se resume a isso, é um filme lindo, encantador e inteligente. Estou falando de T.S. Spivet, título no Brasil “Uma viagem extraordinária”.

Para começar o filme é do mesmo diretor de “O Fabuloso destino de Amélie Poulain”, Jean-Pierre Jeunet. Então vocês já podem imaginar que a história é contada daquela forma única e delicada e cheia de cores de Amélie Poulain.

ts-spivet

Baseado no livro “O Mundo Explicado por T.S. Spivet”, de Reif Larsen, o filme conta a história de T.S. Spivet e sua família. T.S. é uma criança singular, superdotado e muito sensível, que vive com seus pais e irmãos em uma fazenda em Montana. A trama se desenvolve quando T.S. ganha um prêmio importante na área científica quando constrói um motor de perpétuo movimento. ele convidado para ir receber o prêmio em Washington e decide fazer a viagem sozinho sem contar nada para a família.

O pai (Callum Keith Rennie), parece que vive numa realidade de Velho Oeste e cowboys; a mãe, Dra. Clair (Helena Bonham Carter), é uma entomologista muito focada no seu trabalho com insetos, a irmã, Gracie (Niamh Wilson), quer ser miss e só pensa em sua carreira artística; o cachorro Tapioca, e seu irmão gêmeo (bivitelino), Layton (Jakob Davies).

Além de toda essa aventura, há um drama que aos poucos vai sendo contado, que envolve toda a família e atormenta T.S. Spivet.

É um filme lindo e emocionante que ao mesmo tempo nos diverte e encanta. O menino T.S. Spivet (Kyle Cattlet) é apaixonante, dá vontade de apertar, pegar no colo e trazer pra casa! <3

Uma viagem extraordinária está em cartaz nos cinemas brasileiros e também é possível encontrá-lo na internet para baixar. Com certeza vale muito ir assistir!

Alguém mais já viu esse filme, o que acharam?

Postado por Helena Sá

Veja também

25/03/14
[Séries] Arquivo X

arquivo-x

Eu amo séries, desde criança elas fazem parte da minha vida. As primeiras que eu vi foram na tv aberta, lembro de MacGyver, Alf, Pinky, Primo Cruzado, Anos Incríveis…

Hoje em dia chego a assistir uma média de 40 séries que estão na ativa, aos poucos vou fazendo resenha das minhas preferidas aqui para vocês. Mas hoje eu começo a mostrar séries que já foram encerradas, mas que valem a pena assistir.

E a primeira delas é Arquivo X (X Files, no original).

arquivo-x

Essa série foi um super sucesso na década de 90, e até hoje conta com fãs em todo o mundo, isso me inclui. Lembro de assistir Arquivo X na Record e na Fox, ela foi um prelúdio para séries do estilo ficção científica, como Fringe.

Apesar de conquistar vários fãs nerds por conta da temática, o grande charme da série eram seus protagonistas, os agentes Mulder e Scully. <3

the-x-files

Mulder (David Duchovny) é um crente em extraterrestres e de que o governo norte americano sabia da existência de vida fora da terra dentre outras atividades paranormais, já Scully (Gillian Anderson) é uma médica e cientista cética e racional, que não acredita em nada disso. Juntos eles investigam uma sessão do FBI desacreditada, chamada The X Files.

Além de serem parceiros e muito amigos, há uma tensão romântica entre eles, não vou contar se ficam juntos no final, pois isso vocês descobrem assistindo.

the-x-files

A série fez tanto sucesso, que ganhou vários prêmios durante os quase 10 anos de duração. Foi citada e teve suas referências em vários outros shows famosos, como Os Simpsons. Arquivo X até gerou uma segunda série estrelada pelos colegas dos dois agentes principais, The Lone Gunmen.

a verdade está lá fora

Com tanto sucesso, vários de seus bordões ficaram marcados, como: “A verdade está lá fora”, “Eu quero acreditar” e “Não confie em ninguém”.

A música de abertura também é outra coisa marcante da série.

Para quem adora uma boa teoria da conspiração, ficção científica, ciência e até romance, essa série é um super prato cheio. Dá para rir e chorar, pois foram 9 temporadas!

Quem já assistiu, o que acha da série? Quem for assistir depois conta o que achou!

Postado por Helena Sá

Veja também

22/03/14
[Filmes] Frances Ha

frances-ha

Frances Ha apareceu na minha lista de filmes para ver misteriosamente, e depois de ver uma foto nessas fã pages de cinema, me interessei e fui ver se tinha o filme no Netflix (juro que não estou fazendo propaganda), e não é que tinha? Havia passado por ele diversas vezes e nem dei atenção. Dei o play e foi amor a primeira cena.

Bom, antes de mais nada é um filme de 2013 em preto e branco e não adianta se revoltar porque não vem na versão colorida. Faz parte do charme.

Pois bem, Frances é uma mulher de 27 anos que mora com sua melhor amiga Sophie em Nova York. Ela é uma dançarina que não faz parte do elenco fixo de sua companhia, sendo sempre a substituta, acaba tendo que dar aulas de balé para crianças. Uma das características de Frances é que ela é aquelas mulheres meninas. Brincalhona e desajeitada, Frances adora brincar de lutinha com Sophie e chega a recusar o convite de morar com o seu namorado porque não quer deixar sua amiga sozinha. Acontece que assim que Sophie recebe o convite de morar em um lugar melhor, não pensa duas vezes e abandona Frances.

frances-ha
A dançarina então começa uma busca por um apartamento barato, já que não tem dinheiro suficiente, e acaba indo ter que morar com dois rapazes super divertidos e simpáticos.

Sabe aqueles filmes que não falam de nada mas tudo ao mesmo tempo? Frances Ha é assim. É um filme com cenas bem delicadas e sensíveis, diálogos bons e uma trilha sonora escolhida a dedo. Além disso Greta Gerwig (Frances), que também escreveu o roteiro, dá um show de carisma e fofura.

É um filme com um “quezinho” de filme oitentista, mas que retrata muito bem a época atual. Uma boa pedida. A dica é ver sem criar expectativas e deixar-se levar por Frances e seus fracassos.

Postado por Carina Silva

Veja também

03/03/14
Melhores momentos do Oscar 2014

Se você estava curtindo o Carnaval, ou dormindo ontem à noite, você perdeu uma das apresentações do Oscar mais divertidas, com filmes bons e com uma apresentadora que agitou a festa. Ellen Degeneres contrariou toda aquela fama do Oscar ser uma premiação chata, e fez do Oscar 2014 um espetáculo a parte.

Mas vamos do começo.

jennifer-caindo

Logo chegando no red carpet, a Jennifer Lawrence cai de novo, sim ela já havia caído ano passado ao levar o oscar de melhor atriz! E dessa vez ela quase levou a moça que estava na frente dela junto. 😀

benedict-cumberbatch

Teve o Benedict Cumberbtch, ou o melhor Sherlock de todos os tempos, de zuera na foto do U2. #BonoXatiado

lupita-nyong'o

E a Lupita Nyong’o sendo linda, diva, ryca, princesa, e fazendo um discurso lindo ao receber o oscar de melhor atriz coadjuvante por 12 years slave. <3

selfie-oscar

Não disse que a Ellen mitou nesse Oscar? Ela reuniu nada menos do que esses poderosos da foto acima para um SELFIE, ou o selfie mais retuitado da história do twitter! #power 

E o melhor foram os memes que vieram depois, esse do Kevin Spacey, para mim, é o melhor! 

pizza-oscar

E a Ellen não parou por aí, levou um entregador de pizza para as primeiras fileiras e fez os super astros comerem pizza. Brad Pitt além de ajudar a distribuir e servir, ainda se jogou num pedaço na maior, como se estivesse na sala de casa. #gentecomoagente

leo-perde-oscar

Essa parte foi triste, Leonardo Dicaprio, que todo mundo queria que ganhasse melhor ator, pelo conjunto da obra, e por nunca ter ganhado, não leva! O Oscar de melhor ator foi para o Matthew  Mcconaughey, achei merecido. Mas tadico do Leo. :\

lupita-jennifer-oscar

E nos bastidores ainda teve a Lupita defendendo seu oscar da Jennifer, que concorreu com ela na categoria. Adoro as duas. <3

jared-leto-anne-hathaway

E teve o Jared Leto sambando e atrapalhando a foto da Anne Hathaway, com seu oscar super merecido de melhor ator coadjuvante, por Clube de Compras Dallas.

Agora, os melhores gifs, pois é muito bom! ahahs

Tiveram muitos outro momentos inesquecíveis, selecionei os que mais me marcaram e os mais engraçados.

Quero saber de vocês, o que vocês acharam da premiação? Acharam justos os prêmios? Qual foi o melhor momento?

Postado por Helena Sá

Veja também