cor fantasia


15/03/16
A história recente do meu cabelo

A história recente do meu cabelo

A história recente do meu cabelo está pra ser contada há algum tempo, sempre que  mudava o cabelo pedia pro Mateus fazer uma foto, já pensando em quando fosse fazer esse post.

Imaginem que é uma história de 4 anos, pois foi quando comecei a pintar os cabelos com cor fantasia. Sim! Eu tive cabelo careta a maior parte da vida! Se eu soubesse na época que a vida é muito curta para ter um cabelo sem graça… ai ai.

A história recente do meu cabelo

Primeiro eu comecei pelas pontas, com os cabelos ainda compridos eu pintei de rosa, mas era um rosa que tendia para o vermelho, não era ainda o rosa que eu amo, que tem um fundo mais frio. (primeira foto)

Depois já radicalizei mais, cortei os cabelos e fiz mechas em vários tons, mas o tonalizante que usei era fraquinho e desbotou em 2 semanas. Porém foi a cor (cores) que mais amei. (as duas fotos de cabelo curto acima)

A história recente do meu cabelo

Depois disso foi ladeira acima, não sei mais nem dizer qual a ordem cronológica correta dos cabelos acima, só sei que passei por vários tons de rosa, roxo, fúcsia, magenta… Usei tonalizantes de várias marcas e até anilina!

cabelo-colorido

Para não falarem as boas línguas que eu sou a loka do rosa, tive a minha fase granny hair, durou uns 2 meses, mas já vale!

Agora estou com os cabelos em várias mechas de roxo, lilás e rosa, pirei e fiz tudo sozinha em casa, descolori desde a raiz. O resultado tá na última foto da montagem acima, ainda não fiz uma foto legal, mas já dá pra ter uma ideia.

Sobre se é melhor fazer no salão ou em casa, depende muito. Se você tem um cabeleireiro de confiança, um bom profissional, que se importe com a saúde dos cabelos das clientes, vai fundo. Aqui em Juiz de Fora recomendo fortemente o Rapha do Salão Beleza de Minas. Agora, se você já tem habilidade e pesquisou muito como fazer descoloração na internet, vai fundo, muitas vezes a gente sabe cuidar melhor dos nossos cabelos do que cabeleireiros que não estão nem aí para ele. 😉

E essa foi a linda história do meu cabelo rosa, e enquanto eu viver, ela está longe de ter final! (dramática)

Agora eu quero saber a história dos cabelim docês! 😀

Postado por Helena Sá

Veja também

15/03/16
A história recente do meu cabelo

A história recente do meu cabelo

A história recente do meu cabelo está pra ser contada há algum tempo, sempre que  mudava o cabelo pedia pro Mateus fazer uma foto, já pensando em quando fosse fazer esse post.

Imaginem que é uma história de 4 anos, pois foi quando comecei a pintar os cabelos com cor fantasia. Sim! Eu tive cabelo careta a maior parte da vida! Se eu soubesse na época que a vida é muito curta para ter um cabelo sem graça… ai ai.

A história recente do meu cabelo

Primeiro eu comecei pelas pontas, com os cabelos ainda compridos eu pintei de rosa, mas era um rosa que tendia para o vermelho, não era ainda o rosa que eu amo, que tem um fundo mais frio. (primeira foto)

Depois já radicalizei mais, cortei os cabelos e fiz mechas em vários tons, mas o tonalizante que usei era fraquinho e desbotou em 2 semanas. Porém foi a cor (cores) que mais amei. (as duas fotos de cabelo curto acima)

A história recente do meu cabelo

Depois disso foi ladeira acima, não sei mais nem dizer qual a ordem cronológica correta dos cabelos acima, só sei que passei por vários tons de rosa, roxo, fúcsia, magenta… Usei tonalizantes de várias marcas e até anilina!

cabelo-colorido

Para não falarem as boas línguas que eu sou a loka do rosa, tive a minha fase granny hair, durou uns 2 meses, mas já vale!

Agora estou com os cabelos em várias mechas de roxo, lilás e rosa, pirei e fiz tudo sozinha em casa, descolori desde a raiz. O resultado tá na última foto da montagem acima, ainda não fiz uma foto legal, mas já dá pra ter uma ideia.

Sobre se é melhor fazer no salão ou em casa, depende muito. Se você tem um cabeleireiro de confiança, um bom profissional, que se importe com a saúde dos cabelos das clientes, vai fundo. Aqui em Juiz de Fora recomendo fortemente o Rapha do Salão Beleza de Minas. Agora, se você já tem habilidade e pesquisou muito como fazer descoloração na internet, vai fundo, muitas vezes a gente sabe cuidar melhor dos nossos cabelos do que cabeleireiros que não estão nem aí para ele. 😉

E essa foi a linda história do meu cabelo rosa, e enquanto eu viver, ela está longe de ter final! (dramática)

Agora eu quero saber a história dos cabelim docês! 😀

Postado por Helena Sá

Veja também

04/11/14
Cabelo colorido com Anilina

cabelo-colorido-com-anilina

Depois de colorir os cabelos várias vezes com tonalizantes fantasia, vocês podem acompanhar tudo aqui, resolvi colorir com anilina de madeira.

O principal motivo para me arriscar com a anilina, é que em todas as vezes que fiz no salão ou em casa a coloração com tonalizante, não consegui chegar a cor que eu queria. Todas as vezes ficaram muito bonitas, mas a cor nunca era exatamente a que eu queria.

Antes de contar mais, vejam como meu cabelo estava antes da nova descoloração e anilina:

cabelo-colorido-com-anilina

Então depois de me arriscar e fazer todo o processo em casa (inclusive descoloração), resolvi contar para vocês todo o processo, passo a passo do Cabelo colorido com Anilina.

DESCOLORAÇÃO

A descoloração é a parte mais difícil, pois você tem que ter muito cuidado para fazer. Além disso, tem que observar alguns detalhes:

  • Se o seu cabelo já possui alguma química (alisamento, escova ou descoloração), é desaconselhável descolorir cabelos assim, principalmente se o procedimento que você fez foi recente;
  • Se você tiver os cabelos tingidos de preto ou outra cor escura, primeiro tem que realizar o processo de retirada dessa cor, sugiro as dicas dessa página;
  • Se os seus cabelos estão muito ressecados, fracos, danificados, também aconselho a não descolorir nem em casa, nem em salão;
  • SEMPRE, faça um teste de mecha antes de descolorir todo cabelo.

cabelo-colorido-com-anilina

Material:

  • Pó descolorante: usei o V-Light da Matrix, é o pó azul, ele é melhor pra evitar o amarelamento do cabelo;
  • Água oxigenada 40 volumes (quem tem cabelo mais claro pode usar 30 volumes), usei a da Alfaparf;
  • Potinho de plástico para fazer a mistura;
  • Pincel para aplicação da mistura;
  • Luvas.

*Se for fazer mechas, é necessário papel alumínio para envolver e separar as mechas para que o produto não atinja o resto do cabelo.

Agora o passo a passo da descoloração:

  • Faça uma mistura cremosa e homogênea de pó descolorante e água oxigenada;
  • Pegue uma pequena mecha na nuca e aplique a mistura, deixe o tempo de descoloração, entre 20 a 30 minutos. Caso tenha corrido tudo bem, descoloração sem deixar o cabelo elástico ou quebra do mesmo, enxágue e lave a área com shampoo;
  • Divida os cabelos em partes. Comece a aplicação pelas pontas e na nuca;
  • Vá fazendo cada mecha e embalando cada uma com papel alumínio;
  • Comece a contar o tempo desde a primeira mecha, pois você vai retirar primeiro o produto das primeiras mechas da nuca;
  • Vá olhando as primeiras mechas para conferir se já chegou no tom de descoloração que você deseja;
  • Nos meus cabelos o tempo máximo que deixei foram 35 minutos;
  • Vá retirando o papel e lavando as mechas que já estão no tom desejado, até fazer isso em todo o cabelo.

COLORINDO COM ANILINA

cabelo-colorido-com-anilina

Material:

  • Anilina de madeira na cor desejada. Usei as cores Roxo e Rodamina da marca Lacxe;
  • Creme branco. Usei o famoso Yamasterol da Yamá;
  • Potinhos plásticos para misturar as cores;
  • Água morna;
  • Luvas e pincel.

mechas-anilina-madeira

Passo a passo:

  • Proteja a testa, nuca, orelhas com algum creme ou óleo para evitar que a anilina manche essa partes;
  • Dilua uma colher de café de anilina a 2 colheres de café de água morna, quando a mistura estiver homogênea, acrescente o creme branco. Vá dosando até a mistura chegar na cor que você deseja que seus cabelos fiquem;
  • Aplique a mistura com cuidado nas mechas descoloridas, faça isso até cobrir todas as mechas;
  • Não tem problema a mistura cair nas partes não descoloridas, pois a cor não vai pegar nessas partes (se você já tiver o cabelo claro deve proteger as partes que não deseja colorir, é só envolver as mechas com anilina em papel alumínio);
  • Deixe agir pelo maior tempo possível, eu deixei por volta de 1 hora e depois enxaguei bem os cabelos (não passei shampoo, só retirei bem o produto até a água não sair mais colorida).

*Essa quantidade de Anilina deu para os meus cabelos, eu tenho pouco cabelo, então calcule de acordo com o tamanho e volume dos seus cabelos e se faltar faça mais.

mechas-anilina-madeira

O antes e depois do meu cabelo. <3

Antes de fazer toda essa transformação em casa, procurei muita informação sobre o assunto, e o melhor lugar foi a página SIM! Usamos Anilina, lá tem vários passo a passos, desde a descoloração, até a aplicação da anilina, tudo com segurança. É tudo muito explicadinho.

Dicas importantes:

  • Compre o melhor material para descoloração, não economize nessa parte, pois a segurança dos seus fios está em jogo;
  • A anilina não danifica os cabelos, mas a descoloração sim, por isso, faça sempre hidratação e nutrição dos cabelos. Sempre use protetor térmico para passar chapinha ou secador;
  • Pelo menos nos meus cabelos, a cor não está desbotando fácil, já tem quase 1 mês que fiz o procedimento e até agora continua uma cor linda. 😉
  • O grande ponto negativo da anilina é a bagunça que faz, tem que proteger bem a área da casa aonde você vai fazer a aplicação, além disso, mesmo com creme ou óleo protegendo testa e nuca, vai manchar e não só nessas partes, cai no braço, tinge o couro cabeludo. Por isso, faça em um dia que você não tenha trabalho ou aula e que tenha o dia seguinte para retirar tudo.

Quem tiver qualquer dúvida pode falar aqui nos comentários e também ir na página que indiquei. E quem tem alguma dica conta aqui também!

 

Postado por Helena Sá

Veja também

23/04/14
Meu cabelo com tonalizante C. Kamura

pink-hair

Mais um capítulo da saga, Meu Cabelo! 😀

Quem acompanha a história, sabe que eu tenho colorido meus cabelos com cor fantasia desde o ano passado. Quem quiser saber tudo que eu já fiz, é só ir nos links abaixo e acompanhar tudo.

Dessa vez aconteceu uma super coincidência, ou não! Em poucas semanas após fazer a descoloração e aplicação de tonalizante da Tec Italy no salão, com o Rapha, a cor desbotou quase que completamente. Eu estava com as mechas loiras quase palha! Já estava desesperada para pintar, quando chegaram as 3 cores do Tonalizante C. Kamura abaixo:

tonalizante-c-kamura

Foi minha salvação, chegou na sexta-feira e no fim de semana eu já estava aplicando!

Segui as instruções de fazer uma pré aplicação rápida e em seguida lavar e reaplicar, dessa vez deixando 30 minutos.

tonalizante-c-kamura

Eu misturei uma quantidade grande do Star Pink, com um pouco do Sweet Grape e uma gotinha do Cobalt Blue na pré pigmentação. Mas aí achei que ficou aquele magenta que tem fundo avermelhado, e eu queria um fuschia, ou seja, queria um pink com fundo azul, quase roxo! Daí na segunda aplicação eu misturei uma boa quantidade do Sweet Grape e pouco do Star Pink e a gotinha do Cobalt Blue.

cabelo-roxo-rosa

O resultado foi esse aí do mural. Mas em cada foto e em cada luz a cor parece diferente, muito difícil de captar.

Acima vocês podem ver a transição, primeiro como meu cabelo ficou depois da aplicação no salão, na segunda foto ele já todo desbotado, com as mechas quase palha. E o resultado atual com os tonalizantes C. Kamura.

resultado-cabelo-rosa

Estou adorando o resultado, já tem 3 semanas que apliquei os tonalizantes e a cor desbotou muito pouco. Nos primeiros dias costuma sair água rosa das lavagens do cabelo, mas agora não acontece mais.

Os tonalizantes custam R$25 a caixinha, eu apliquei a mistura e sobrou bastante de cada cor. Isso pois eu tenho pouco cabelo, fino e curto nos ombros. Acho que ainda dá pra reaplicar umas 2 vezes mais. Para saber mais sobre o tonalizante, aqui o site da marca.

Gostaram do resultado? 

Postado por Helena Sá

Veja também

26/02/14
Meu Cabelo Rosa

Quem segue o instagram, twitter ou FB já viu um pouquinho, mas hoje é que eu vou mostrar tudo sobre o meu novo cabelo, como o título do post diz, Meu Cabelo Rosa!!!

Mas não é só isso, cortei 2 palmos, fiz mechas e mais detalhes que estão no vídeo, assistam em HD!

Gente, esse canal é novo, se inscrevam nele, pois não vou mais usar o antigo!

Detalhes importantes:

  • Quando eu digo no vídeo que ir ao salão ao invés de colorir em casa é mais seguro, digo em um bom profissional, sério, como o Rapha. Eu mesma já passei perrengues com meu cabelo por confiar em cabeleireiros mal preparados e com má-fé, que só queriam ganhar o dinheiro do procedimento sem se importar com a saúde dos cabelos da cliente;
  • Quem acha que o procedimento é agressivo, saiba que é tão agressivo quando qualquer mecha, luzes, descoloração que você faça, por ser uma cor fantasia não agride mais ou menos os cabelos do que sair loira ou ruiva do salão;
  • Para manter a cor por mais tempo é só evitar shampoos anti-resíduos e usar shampoo de proteção da cor, existem várias marcas no mercado, o Rapha me indicou a linha da Elseve.

cabelo-pink

No mural acima tem as 3 cores que foram usadas no meu cabelo, todas da marca Tec Italy, linha Designer Color. Foram o Rosa, Magenta e o Azul que foi misturado com Magenta para cirar uma nova cor.

cabelo-colorido

E o resultado que eu estou apenas apaixonada! <3

O telefone do Salão Beleza de Minas é (32) 3084-4425, e é em Juiz de Fora.

E aí gente, o que vocês acharam? Quero muito saber a opinião de vocês!!!

Postado por Helena Sá

Veja também

17/10/13
Cabelos coloridos com giz pastel

soft pastel

Há uns 2 meses, comprei giz pastel para colorir as pontas dos cabelos. Quem acompanha o blog, já viu que eu fiz ombré e colori com tonalizante pink, contei tudo aqui.

Mas depois de um tempo, a cor foi desbotando e eu não queria tonalizar de novo, daí resolvi testar o giz pastel só nas pontinhas do cabelo. O giz pastel soft não é um produto para colorir o cabelo, é um material para pintura e desenho.

Fiz um #instavídeo mostrando alguns passos da aplicação do giz:

Passo a Passo:

  1. Molhe a parte do cabelo que você deseja colorir;
  2. Aplique o giz pastel nessa parte molhada, vá passando como no vídeo até color bem;
  3. Penteie a parte colorida para desembaraçar (o giz faz embaraçar);
  4. Seque o cabelo e passe a chapinha na parte colorida para “selar” a cor.

Resultado:

Para mim o resultado não foi o esperado, o giz não fixou no meu cabelo, em meia hora saiu tudo, ficou mais giz nas minhas mãos, pele e roupas, do que nos cabelos. O Rapha, colaborador aqui do blog, fez no cabelo dele e ficou vários dias, foi difícil até para remover, ou seja, acho que vai de cada cabelo, pois segui todas as dicas que busquei pela internet.

Além disso, faz uma super bagunça pra aplicar, depois você tem que fazer uma faxina no banheiro ou local que usou para colorir! Para vocês terem ideia, tirei tinta rosa dos ouvidos, nariz e pele, durante o banho!

Outro fator, é que o giz faz o cabelo ficar bem grosso, seco e fácil de embaraçar, é uma coisa superficial, depois de lavar seus cabelos voltam ao normal, mas mesmo assim não faria de novo nos meus.

O soft pastel pode ser encontrado em casas de pintura e desenho.

Alguém mais já testou giz pastel? Deu certo?

Postado por Helena Sá

Veja também

06/05/13
[Cabelos coloridos] Tonalização com cor fantasia Insane Pink

Eu to prometendo fazer algo diferente nos cabelos desde dezembro, a ideia surgiu quando perguntei o que deveria fazer nos cabelos lá no facebook, e algumas meninas falaram pra eu fazer mechas pink. E o mais legal, é que eu sempre tive vontade de fazer isso, acho lindo e inclusive fiz um post de inspiração para quem quiser se jogar nas cores fantasia.

A partir dessa ideia, lembrei da linha Hard Colors da Kert, entrei em contato com a assessoria, e eles enviaram todos os produtos necessários para realizar essa “arte”. :)

Daí contei para o nosso amigo e colaborador aqui do blog, o Rapha, e ele adorou a ideia, e resolvemos fazer um vídeo super legal e completo, explicando o passo a passo tanto das mechas estilo ombré, quanto da aplicação do tonalizante Insane Pink.

Já falei demais, assistam o vídeo e vejam o resultado!

O Rapha demonstrou e descreveu o procedimento em detalhes, por isso, assistam até o final.

cabelos coloridos cores fantasia pink

No vídeo ficou parecendo que a cor tendeu mais para o vermelho, mas nas fotos acima e nas fotos que estão no final do vídeo, dá para notar um tom magenta, ou fuchsia, não sei definir, mas é uma cor que eu amo. Não consegui tirar fotos na luz natural, mas no sol isso fica um escândalo, muito mais pro pink! <3

Fiz um peeling capilar e pensei que tinha desbotado, mas nada, já lavei  os cabelos 4x e não notei que a cor apagou. Sobrou um pouco na embalagem, quando desbotar vou reaplicar.

O Rapha arrasa, não é? Ele atende no Salão Beleza de Minas, aqui em Juiz de Fora, é ali na Espírito Santo, ao lado do Muzik, no nº1067 2º andar, tel: 3084-4425.

Mais um detalhe, em breve tem SORTEIO, de uma transformação de cor e corte, que o lindo do Rapha vai presentear, para uma leitora sortuda de JF e  região!

Nem sei se preciso dizer que adorei meus cabelos novos, estou curtindo muito, me empolguei tanto, que até tirei fotos novas para o meu perfil aqui do blog, vejam aí na sidebar! ahaaha

Girls, se inscrevam no canal e deem um joinha para o nosso vídeo, isso nos motiva a sempre fazer mais vídeos para vocês! 😉

Postado por Helena Sá