30/05/16
Dicas para versatilizar vestidos

versatilizar-vestidos

Todo vestido é uma saia em potencial, ou uma camiseta. É assim que eu penso quando olho para um dos meus no guarda roupas.

Comecei a pensar assim, pois a dificuldade de ter aquela saia ou aquela blusa no tamanho do meu manequim, sempre foi difícil, então quando por milagre eu conseguia um vestido legal, fazia dele saia também, e algumas vezes camiseta usado pra dentro de uma calça ou saia.

Por isso a grande dica para versatilizar vestidos é, nunca pense nele apenas como um vestido. 😉

Na primeira montagem aí em cima, vocês podem ver que esse meu vestido floral eu misturo com tudo, sobreponho camiseta ou camisa, faço mix de estampas… Adoro isso, pois a cada vez que eu uso, ele parece ser uma peça nova. E isso apesar dele não ser discreto, é um vestido marcante, mas mesmo assim, com as combinações, acaba ganhando outra vida misturado de várias formas.

versatilizar-vestidos

Olha aí outro vestido antigo meu, que sempre se renova com uma combinação diferente.

Esse tipo de truque é necessário se você quer explorar e usar suas roupas sem deixar de lado nada parado ali no canto do armário.

Sempre falo aqui de fazer o exercício de pegar uma peça, nesse caso o vestido, e ir colocando várias outras pra combinar, a partir daí você consegue decidir o que vai com o vestido e sabe que tem sei lá, 20 combinações com ele.

Para quem está querendo consumir menos, mas também não quer estar vestida sempre igual, versatilizar peças dessa forma é a grande sacada. Fora que é um exercício maravilhoso para a criatividade. Vejo muitas teorias de que se você parar de se preocupar com combinações de roupas e se vestir sempre igual (vide Mark Zuckerberg), vai ter mais tempo para outras coisas, para criar mais. Penso diferente, acho que todo exercício de criatividade é válido, o que você pensou em combinações de roupas é como uma corrida no parque, te deu preparo, treinou seu olhar, e você acaba aplicando isso em outras áreas da sua vida.

Outra dica importante: não deixe seus preconceitos de moda te limitarem, se você tem na cabeça que tal cor ou estampa não combinam, experimenta a combinação mesmo assim, você pode se surpreender.

Entao é isso, agora é colocar isso em prática, quando tiver um tempinho no final de semana ou mais tarde, dá uma olhada no guarda roupas. Qual peça poderia ser melhor aproveitada se eu não pensasse nela com uma só função?

Helena SáPostado por Helena Sá

Veja também


Deixe um comentário